POLÍTICA

CDS questiona autarquia de Odemira sobre obras sem concurso

Centristas enviam requerimento à Câmara

2017-09-11
Deputados querem saber se foram cumpridos os requisitos legais para a realização das obras

Patrícia Fonseca e João Rebelo, deputados à Assembleia da República, eleitos pelo CDS-PP, enviaram um requerimento à Câmara Municipal de Odemira, questionando a autarquia sobre as obras na estrada entre Vale Juncal e os hotéis junto à Choça e a reparação da estrada junto à FACECO, informa o partido em comunicado de imprensa.

 

Os deputados do CDS-PP querem saber quando foi realizada a obra referente à estrada entre Vale de Juncal e os hotéis junto à Choça, e quando foi a adjudicação efectuada, a quem e qual o seu custo. Os centristas querem ainda saber quando foi realizada a obra referente à reparação da estrada junto à FACECO, e, igualmente, quando foi a adjudicação efectuada, a quem e qual o seu custo. Os deputados querem saber se os processos respeitantes a tais obras foram remetidos para fiscalização da Inspecção Geral de Finanças (ex-IGAL).

 

O requerimento do CDS-PP chega depois do MERCÚRIO ter levantado as mesmas questões num artigo publicado na sua edição de Agosto. Questões que ficaram sem resposta por parte do executivo da câmara.

 

“A crer nas informações veiculadas pela notícia, não terão sido cumpridos pela Câmara Municipal de Odemira os requisitos estabelecidos na lei para a adjudicação das obras em causa”, aponta o partido.

 

por Ricardo Vilhena (não usa AO)