HUMOR

Joaquim & Liberdade

No Recreio

2018-04-24
É Natal? - E que tal?

É NATAL?

- Liberdade, eu sei que está um pouco frio e a chover e que ando um bocado esquecido mas é impressão minha ou o Natal foi há uns meses atrás?

- Então, Joaquim, o que é que se passa?

- Eu sei lá. Estão a iluminar as ruas todas, andaram a arranjar os canteiros, a colocar vasos nas ruas, a pintar os muros, a tapar buracos. Isto é um rodopio. Olha, a mim parece-me Natal mas não vejo o presépio lá ao pé do Sousa Prado.

- De facto parece Joaquim, mas não é. Mas digo-te que se Natal é quando um homem quiser... que seja 25 Abril Sempre mas era bom que não fosse só em Odemira.

 

 

E QUE TAL?

- Com tanto ranking e tanto prémio e tanto património disto e daquilo e concursos para os melhores disto e daquilo, Joaquim. Não seria também de bom termo, declarar-se de “Imóveis de Interesse Público” ou mesmo de “Monumentos Nacionais” ou, até quem sabe?, de “Património da Humanidade”, as já tão aclamadas “Lombas do Cardoso”?

- Olha! Aí está uma boa ideia, Liberdade. Poder-se-ia até candidatá-las a apoios do 2020 para a sua preservação, sempre numa perspetiva de “governação integrada”, claro. Teríamos é de ter uma forte razão, mulher.

- Isso é fácil: o facto de aliarem a segurança rodoviária à intervenção artística enriquecedora da paisagem urbana e rural, no concelho de Odemira, território de baixa densidade, nunca esquecendo os atores locais e o entendimento da preservação do ambiente em pleno Parque Natural.