SOLIDARIEDADE

CAMPANHA SOLIDÁRIA PARA AJUDAR PESCADORES DA AZENHA DO MAR AFETADOS POR INCÊNDIO

A campanha inicia-se hoje, dia 31 de maio, Dia Nacional do Pescador

2019-05-31
Os fundos reverterão para a aquisição e/ou reparação das embarcações afetadas

Ajudar os pescadores da Azenha do Mar, no concelho de Odemira, que viram as suas embarcações atingidas pelo incêndio que ocorreu na noite de 6 de maio, no portinho de pesca da aldeia, é o objetivo da Campanha de Solidariedade que está a ser desenvolvida junto da comunidade e empresários locais.

 

O incêndio de origem desconhecida destruiu e/ou danificou seis embarcações e danificou ainda alguns equipamentos do portinho de pesca. Das onze embarcações ali estacionadas naquela noite, duas foram totalmente consumidas pelas chamas e outras quatro sofreram danos de diferentes graus, sendo o prejuízo total calculado em cerca de 100 mil euros. 

 

A campanha de Solidariedade inclui um conjunto de iniciativas para angariação de fundos que reverterão para a aquisição e/ou reparação das embarcações afetadas, em que uma percentagem da receita será doada a Comunidade Piscatória afetada pelo incêndio. Serão também solicitados apoios a empresas locais.

 

Para o efeito foi constituída uma conta bancária junto da Caixa Agrícola, com o objetivo de recolher donativos, sendo a titular a Associação Cultural e de Desenvolvimento de Pescadores e Moradores da Azenha do Mar, com os dados: NIB 0045 7021 4031 3699 3159 0  | IBAN PT50 0045 7021 4031 3699 3159 0.

 

A campanha é lançada no dia 31 de maio, o Dia Nacional do Pescador, data que assinala a publicação do Decreto-lei 15/97 que instituiu o primeiro regime jurídico do contrato de trabalho a bordo das embarcações de pesca e que consagra direitos sociais básicos para os pescadores.

 

A Azenha do Mar é uma pequena comunidade piscatória que opera com embarcações de pequenas dimensões e utiliza artes de pesca associadas à pesca artesanal.

 

A campanha resultada da parceria entre a Junta de Freguesia de S. Teotónio, Município de Odemira, Associação Cultural e de Desenvolvimento de Pescadores e Moradores da Azenha do Mar e os proprietários de embarcações atingidas.